Dicas para fazer um planejamento familiar financeiro perfeito

Fazer um planejamento familiar financeiro é extremamente importante, pois é através dele que você e sua família poderão obter uma segurança financeira, estando prontos para passar por momentos difíceis, realizar planos como compra de uma casa própria, de um carro próprio, de realizar uma viagem ou investir na educação dos filhos por meio de um intercâmbio no exterior, por exemplo. 

É através de um bom planejamento financeiro que você poderá ter total controle sobre os gastos feitos em sua casa, podendo tomar medidas de contenção de gastos visando uma folga financeira no futuro. 

Como ensinar os filhos a gerenciarem seu dinheiro

12 Dicas para visitar recém nascido

planejamento familiar financeiro

Planejamento familiar financeiro: por quê é importante? 

De acordo com dados da CNC quase 60% das famílias brasileiras estão endividadas, o que é muito preocupante, tendo em vista que quanto maior a dívida da família menor será a sua qualidade de vida. Portanto, não é interessante deixar as finanças da família a própria sorte, mas sim buscar equilibrar os gastos e buscar se planejar para eventuais dificuldades que possam surgir no futuro. 

Outro fator negativo causado pelo endividamento das família está diretamente ligado aos problemas vividos nos relacionamentos, isso porque é comum que os membros de uma mesma família culpem uns aos outros pelos gastos excessivos ao invés de buscarem alternativas em conjunto para economizar. 

É necessário que todos busquem se educar financeiramente, não adianta a esposa poupar enquanto o marido gasta demais, por exemplo. Dessa forma, com o planejamento financeiro a tendência é que todas as dívidas sejam pagas, possibilitando a construção de um patrimônio sólido. 

Para adquirir bens como a casa própria, por exemplo, é necessário que as famílias entendam que e necessário economizar dinheiro, guardá-lo e depois investi-lo. A busca por formas de se obter uma renda extra também é uma alternativa bastante válida. 

Alguns especialistas afirmam que apenas guardar o dinheiro na poupança não ajuda muito em caso do núcleo familiar querer ascender economicamente, isso porque a poupança é um investimento com baixo retorno anual, portanto não deixe o dinheiro parado em uma poupança, busque novas formas de investimento. 

Como criar uma criança responsável para se tornar um adulto responsável

10 Critérios para escolher a escola do seu filho

Objetivos de um planejamento financeiro

Não existe uma única alternativa para se elaborar um planejamento financeiro, isso porque cada família possui suas próprias particularidades, podendo ser desde um salário diferente até problemas financeiros diferentes. Por este motivo é necessário descobrir quais as melhores opções para sua família através de um planejamento financeiro familiar que esteja de acordo com sua realidade: saber quais os hábitos de consumo da família e como modificá-los é algo essencial, assim como conhecer a própria realidade financeira. Buscar formas para prever possíveis situações e agir previamente para enfrentá-las também é algo bastante importante, bem como escolher as melhores opções de investimento para garantir um bom ganho a longo prazo. 

6 dicas para começar um planejamento familiar financeiro

Criar o seu planejamento é muito simples, por isso elaboramos essas 6 dicas que irão ajudar a você e sua família para que possam ter total controle das suas finanças a partir de hoje, veja: 

  1. Organize os seus ganhos e custos;
  2. Busque negociar suas dívidas e não crie novas enquanto as quita;
  3. Corte gastos e procure novas maneiras de conseguir mais dinheiro;
  4. Economize e guarde dinheiro; 
  5. Escreva em papel objetivos a curto, médio e longo prazo; e
  6. Busque alternativas de investimento.

Para auxiliá-lo na gestão financeira em seu lar existem dezenas de aplicativos de planilhas eletrônicas, e, com isso, você poderá ter total controle acerca de todas as entradas e saídas, podendo cortar gastos desnecessários, controlar suas dívidas mais antigas e quitá-las. A seguir nós listamos os 10 passos para executar o seu planejamento familiar financeiro, observe:

1. Anote as despesas fixas e variáveis

Despesas como aluguel, conta de energia, água ou internet, por exemplo, são gastos fixos, portanto você terá esses gastos todos os meses. Oriente a sua família a economizar energia e água. Já as despesas variáveis são aquelas relacionadas a entretenimento como ir ao cinema, portanto a saída é uma só: ao invés de gastar dinheiro indo até um cinema, opte por assistir ao filme em casa mesmo.

2. Liste todas as fontes de receitas

Faça uma lista de todos os ganhos mensais na sua família, assim você observará de cara que não pode gastar mais do que o valor total das receitas.

3. Organize os objetivos familiares 

Elabore uma lista com todos os objetivos que sua família pretende atingir a curto, médio e longo prazo. Pagar as dívidas em 6 meses, por exemplo, é um objetivo de curto prazo, assim como planejar uma viagem de férias após 12 meses é um objetivo de médio prazo. 

4. Escolha no que investir 

Organize as finanças de sua família e opte por fazer investimentos diferentes da poupança como Fundos de Investimento de alta liquidez.

5. Faça pagamentos à vista

Esqueça de uma vez por todas o cartão de crédito. Só utilize essa opção de pagamento quando não tiver outra opção, mas em caso de ter dinheiro para pagamento à vista, faça-o. 

6. Mantenha um bom padrão de vida

De nada adianta sua família ter uma renda mensal de R$ 10.000,00 mas gastar R$ 11.000,00. Use o dinheiro com responsabilidade, evite gastar com luxos desnecessários e busque investir tudo o que sobrar. 

7. Converse com a família sobre educação financeira

Ao invés de sair cortando todos os gastos e proibindo sua família de gastar, é importante que todos tenham uma boa conversa sobre o porquê de economizar. Dessa forma, toda a família poderá contribuir e com toda a certeza a execução do planejamento financeiro será feita da melhor forma possível. 

8. Siga o planejamento e evite surpresas no futuro

Assim como qualquer outro planejamento, o familiar também está sujeito a falhas, por isso é importante que você e sua família cumpram-no da maneira mais fiel que conseguirem, pois dessa forma em caso de imprevistos no futuro sua família estará preparada para enfrentá-los. 

9. Evite pequenos gastos no dia-a-dia 

Por menor que seja o valor gasto de forma não planejada, com certeza tal gasto, ao se somar com outros possíveis pequenos gastos, irá causar um enorme impacto nas contas no final do mês. Evite comer fora de casa, leve sua marmita para o trabalho e compre o lanche das crianças em uma rede de atacadista.

10. Reveja periodicamente o planejamento

Assim como todo e qualquer planejamento, o familiar também é alvo de constantes transformações, isso porque os objetivos naturalmente mudam com o tempo. Portanto, revise periodicamente os objetivos familiares e faça as modificações necessárias. 

planejamento familiar financeiro

Neste artigo foi possível observar que o planeamento familiar vai além de simplesmente economizar dinheiro: ele está diretamente ligado a qualidade de vida e ao bom relacionamento dos entes familiares, então reveja seus hábitos e elabore hoje mesmo com sua família um bom planejamento que vise a todos atingir os objetivos traçados.

Gostou das dicas? Me conta nos comentários se tem conseguindo fazer o seu planejamento familiar financeiro.

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais