Desmame: como fazer e quando é o melhor momento?

Desmame
Desmame

O desmame é um período bastante delicado na vida da mãe e do bebê, pois, ele marca o fim da amamentação que é um momento de muito amor e carinho entre ambos. Não só isso, mas a amamentação garante grande parte dos nutrientes que o bebê precisa, mesmo no caso daqueles que já comem. Por isso, é importante saber qual é o momento certo para o desmame e mais, como fazer isso sem causar traumas na criança.

Quer aprender mais sobre o desmame e tudo que você precisa saber sobre essa fase? Então confira este artigo até o final e veja várias dicas para passar por essa fase com mais tranquilidade.

Salto de Desenvolvimento: Entenda o que é

Desfralde: saiba tudo sobre essa importante fase das crianças

Quando iniciar o desmame?

Não há uma regra para definir quando a mãe deve iniciar o desmame. O Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Pediatria recomendam que o bebê seja amamentado exclusivamente até os 6 meses de vida. Ao completar os 6 meses, a criança pode começar a introdução alimentar e ter a amamentação como complemento da alimentação. Os órgãos de saúde recomendam que as crianças sejam amamentadas até os 2 anos ou mais. Então, qual é o momento certo de iniciar o desmame?

Isso vai depender da rotina da família, da saúde da mãe e do bebê, e de uma série de outros fatores. Em uma situação natural, a criança começa a demonstrar sinais de que é hora de desmamar. Isso ocorre por volta do primeiro ao segundo ano de vida.

No entanto, com a rotina agitada que as pessoas levam atualmente, isso ficou muito mais difícil. Por isso, é comum ver bebês que já não mamam aos 6 meses de vida, ou aqueles que pararam de mamar ao completar o primeiro ano. Ou seja, são muitos casos diferentes que nem mesmo atingem as recomendações dos órgãos de saúde.

Voltar ao trabalho é o fim da amamentação?

Algumas mães iniciam o desmame por causa da volta ao trabalho. Há muitos casos que é difícil manter a amamentação enquanto é preciso voltar para o trabalho. Enquanto em outros casos é mais fácil manter uma rotina de trabalho que permite amamentar.

Se você está prestes a voltar ao trabalho, isso não significa que a amamentação chegou ao fim. É possível manter a amamentação mesmo trabalhando em tempo integral. Nesse caso, você precisará se organizar para retirar leite, armazenar e instruir adequadamente quem for cuidar do bebê.

Como ter uma Alimentação Infantil Saudável dos 2 a 10 anos

Como a dívida do sono pode afetar o meu bebê?

Mas saiba que fazer tudo isso é importante para o bebê, pois o leite materno é rico em nutrientes que contribuíram para seu desenvolvimento saudável. No entanto, se essa rotina for demais para você, saiba que está tudo bem iniciar o desmame. O mais importante é que você tenha um tempo prazeroso para curtir sua família, sem estresse e cansaço.

Após os 2 anos não é preciso amamentar?

Quando a criança completa 2 anos de vida você pode pensar que a amamentação já deve acabar. Nada disso, as recomendações são de que a criança seja amamentada de forma complementar até os 2 anos ou mais. No entanto, é a mãe e o bebê que devem decidir quanto a necessidade de continuar amamentando.

Se para a mãe e o bebê estiver tudo bem, é possível amamentar por muitos anos. Mas se há algo errado na rotina que impeça a amamentação ou mesmo que alguma das partes está desconfortável com a amamentação, é hora de iniciar o desmame.

Após 2 anos amamentando, algumas mães estão exaustas e prontas para o desmame. Enquanto outras se sentem mal e tristes porque a criança já não quer mais mamar. Se você é uma mãe cansada que quer iniciar o desmame, não se sinta culpada. Agora, se você é uma mãe que queria amamentar por vários anos, mas não pôde, saiba que seu bebê ficará bem e a relação de vocês continuará amorosa e carinhosa.

Qual é o momento ideal para iniciar o desmame?

Resumindo tudo que foi dito, você deve iniciar o desmame quando se deparar com as seguintes situações:

● Quando houver desconforto do bebê ou da mãe em continuar a amamentação;

● Caso a rotina esteja muito cansativa e a amamentação se torne desgastante;

● Quando o bebê demonstrar sinais de que é hora de começar o desmame;

● Quando o bebê estiver pronto para receber todos os nutrientes em sua alimentação (a partir dos 6 meses de vida).

Puerpério: o que é e quais as alterações físicas após o parto

Crise conjugal pós maternidade: como anda seu casamento?

desmame

Como fazer o desmame de forma tranquila?

Não há uma regra, neste quesito cada mãe se adaptará de uma forma para fazer o desmame. O ideal é que esse momento seja tranquilo para que o bebê não fique traumatizado. Veja a seguir algumas dicas de como tornar esse momento mais tranquilo!

1. Corte a livre demanda

Se a criança mama em livre demanda, interromper esse ciclo é o suficiente em muitos casos. Aos poucos, a criança acaba perdendo o interesse em mamar. Nesse caso, é importante definir horários para mamar e conversar com a criança sobre isso.

Caso seja possível conversar com a criança, explique que a partir de agora ela terá que mamar no horário que a mamãe definir, pois isso facilitará o dia a dia da família. No caso de crianças menores, o ideal é diminuir o número de mamadas e criar uma rotina de amamentação para cortar a livre demanda.

2. Diminua gradualmente as mamadas

Outra forma de desmamar sem traumas é ir diminuindo gradualmente. Se a criança mama três vezes por dia, reduza para duas inicialmente e depois amamente apenas uma vez ao dia. É comum nessa etapa que as mães deem preferência para amamentar à noite pouco antes da criança dormir.

Caso isso ocorra com você, saiba que é importante estabelecer uma rotina de sono com a criança, sem que ela dependa da amamentação para pegar no sono. Isso porque para desmamar completamente ficará mais difícil se a criança acostumar com a amamentação nesse horário.

3. Seja paciente e entenda as necessidades da criança

Toda mudança de hábito causa descontentamento. Ao diminuir as mamadas ou interromper a livre demanda, a criança pode relutar bastante. Por isso, é preciso ter paciência e saber identificar as necessidades da criança. Nem sempre o choro significa que ela quer mamar. Às vezes a criança só quer colo, carinho e o amor da mãe, como acontecia durante a amamentação.

desmame

Por aqui com os dois foi bem tranquilo! Os dois pararam por conta própria aos 10 meses. É doloroso porque gostaria de ter amamentado mais tempo. E por ai como foi, ou esta sendo esta etapa?

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais