Desfralde: saiba tudo sobre essa importante fase das crianças

Hoje trago para vocês dicas e sugestões para ajudar nessa importante etapa na vida das crianças, onde precisamos de muita paciência!
Saiba como realizar o processo com filho.

Desfralde

Os livros e bonecos podem ser um aliado aos pais para explicar o desfralde aos seus filhos.

A vida é feita de fases, e no início dela, uma das quais todos temos que passar é o desfralde, o momento em que as crianças deixam de usar as fraldas e passa a utilizar o banheiro. Essa etapa requer muita paciência dos pais, pois cada criança tem o seu tempo, e do mesmo jeito que pode ser algo fácil para algumas, para outras pode significar muita sujeira e dificuldades. Também vale ressaltar que não existe um tempo correto para a realização dessa etapa, porém, gira em torno dos 2 anos e meio aos 3 anos e, sem uma lógica concreta, essa etapa costuma ser mais fácil com as meninas.

Um dos pontos mais importantes além da já citada paciência, é o diálogo com o seu filho. Os pais devem conversar e explicar como funciona essa etapa, sem colocar pressão e com muita calma, deixando a criança tentar no seu tempo.

Qual o momento ideal para o desfralde?

Para saber o momento ideal, os pais podem ficar de olho em algumas atitudes do seu filho, pois eles mesmos podem ajudar a acelerar todo o processo.

Uma situação que é bem rotineira nessa etapa é o incomodo com as fraldas sujas, pois a criança começa a ficar mais agitada, querendo ela mesma retirar a fralda conforme vai enchendo, mostrando que não está satisfeita com o acessório no corpo.

+ Como organizar os brinquedos com as crianças?

+ Garrafa da Felicidade: como desenvolver o pensamento positivo nas crianças

Outro ponto que é importante é ter atenção e observar se a criança já consegue se sentar mantendo a posição por um tempo sem muitas agitações, desequilíbrios, pois é fundamental para leva-la ao vaso sanitário sem o risco de quedas e acidentes. Sempre fique em alerta.

Outro detalhe é observar se ele já consegue controlar o momento de fazer o xixi e o cocô. No início é natural que a criança não saiba diferenciar o momento de fazer um ou outro, portanto é aconselhável sempre que se sente no vaso até mesmo quando os meninos queiram fazer o xixi, assim evitando situações inesperadas. Com o passar do tempo e a consciência da vontade de fazer cada coisa, a própria criança irá ter noção se é o momento do número 1 ou do 2.

+Introdução Alimentar: Confira aqui 15 receitas de papinhas fáceis e rápidas

A curiosidade também pode ser uma aliada, visto que a criança poderá despertar a vontade de usar o vaso, com os papais sempre explicando a sua função. Para isso, sempre fale pausadamente, com calma, ensinando como deve-se utilizar o banheiro corretamente e repetindo o procedimento sempre que necessário, até que o seu filho desperte a vontade de fazer as suas necessidades no vazo sanitário.

Desfralde diurno x Desfralde noturno

Desfralde

Tenha calma e paciência, pois essa etapa pode durar meses, variando de criança para criança.

O desfralde noturno é diferente do diurno, e requer ainda mais paciência. Ambos não precisam acontecer no mesmo momento, inclusive é indicado que se comece com o diurno e, apenas quando a criança já conseguir pegar um pouco de confiança e identificar o momento e que sente necessidade de ir ao banheiro sozinho, passar para o noturno. Essa etapa de transição pode demorar, dependendo mais uma vez do tempo de cada criança.

Uma dica para ajudar os papais nessa etapa são os livros infantis que falam sobre o tema, contando as historinhas e explicando para a criança como é o processo, tudo de maneira bem simplificada e prática, com calma para que eles entendam. A utilização de bonecos também é válida, como uma forma de mostrar a postura.

É aconselhado que, para melhor entendimento da criança, apenas uma pessoa fique encarregada do desfralde, sendo o papai ou a mamãe. Quem assumir essa responsabilidade, deverá estar sempre atento aos horários da criança, até que tudo se torne uma verdadeira rotina, pois todo o processo pode durar semanas e até mesmo meses.

Quando iniciar o desfralde, tanto diurno quanto o noturno, é importante que os pais não retornem a utilização de antes, pois este fato pode frustrar as crianças e até vocês mesmos. Tenha calma, pois imprevistos serão normais, tanto no chão e na roupa, como na cama, jamais brigue ou mostre irritação, isso irá atrapalhar todo o processo.

+ Como preparar seu filho para a chegada de um irmãozinho

+ Como elogiar uma criança

Meu Relato

Desfralde

Por aqui passei por esse processo com Luiz Miguel a 9 anos, e foi bem tranquilo. Claro que levou um tempo para associar, não me recordo quanto, mas assim que aprendeu foi muito rápido! Já o da noite me surpreendi, pois assim que comecei, ele fez  xixi na cama apenas uma noite.

Já com a Laura de início ao processo. Comprei um piniquinho, ela sentava, sabia diferenciar, já entendia bem onde ela precisava fazer. Muitas conversas, mas fui deixando no seu tempo, sem forçar, naturalmente e observando. Não obtive sucesso, pois ela iniciou na creche e precisei interromper.

Porém, no período das férias de Julho retomei com força total e deu super certo! O desfralde diurno está quase 90%. Ela ainda tem dificuldade na hora de fazer o cocô. Assim que concluirmos, entraremos com noturno.

Desfralde

Divida comigo sua experiência, deixe seu comentário me contando como foi. Também deixe dúvidas e sugestões!

Obrigada por me acompanhar!

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais