Quando começa o enjoo na gravidez e como aliviar o sintoma?

enjoo na gravidez

O enjoo na gravidez é um dos primeiros sintomas logo após a concepção. Quase unânime entre as gestantes, esse é um dos piores sintomas ao longo da gravidez. Felizmente existem alguns métodos que visam diminuir o desconforto e proporcionar mais qualidade de vida para a grávida durante o período gestacional.

Quer saber quais são os métodos e o que fazer para minimizar o enjoo na gravidez? Então continue a leitura até o final para descobrir. Veja também neste artigo quando esse sintoma começa a surgir.

Quando começa o enjoo na gravidez?

O enjoo na gravidez é um dos sintomas mais comuns durante a gestação. Ele costuma acometer entre 70% a 80% das grávidas e aparece em diferentes momentos. Normalmente, os enjoos começam antes mesmo que as mulheres saibam que estão grávidas, ou seja, antes do atraso menstrual.

Além de variar em relação ao momento em que ele pode aparecer, o enjoo pode se apresentar em diferentes intensidade e durar por períodos indefinidos. Há ainda mulheres que reclama de cansaço e vômitos junto ao sintoma de enjoo enquanto outras sentem apenas um mal-estar leve.

Sendo assim, podemos concluir que o enjoo na gravidez varia muito de grávida para grávida! Sem mencionar as mulheres que não sentem enjoo, que embora seja a minoria entre as gestantes, é absolutamente normal!

Primeiros sintomas da gravidez

Estresse na Gravidez

Sobre o período em que esses sintomas aparecem, os enjoos são mais comuns no início da gestação, entre a 3ª e 4ª semana de gestação. Também é comum que nesse período algumas mulheres não sintam nada, mas desenvolvam o sintoma a partir da 5ª semana de gestação.

Os sintomas se intensificam principalmente pela manhã, sendo conhecido até mesmo pelo termo “enjoo matinal”. No entanto, o enjoo durante a gestação pode ocorrer em qualquer momento do dia, assim como em momentos diferenciados da gravidez.

É importante que você saiba desde o início que não há uma regra, pois cada corpo possui suas peculiaridades. Então não se preocupe se você não está enjoada ou se começou a sentir enjoo em um momento diferente do que é considerado “comum”.

Quando termina o enjoo na gravidez?

Geralmente as grávidas que relatam enjoo desde o início da gravidez sentem o desconforto durante o primeiro trimestre. Ou seja, apenas na 12ª semana sentem que o sintoma começa a desaparecer. O segundo e o terceiro mês de gestação são os que mais apresentam enjoo acentuado. Após esse período, o sintoma costuma sumir ou apresentar um leve desconforto.

Algumas mulheres relatam sentir enjoos até a 20ª semana de gravidez, enquanto outras tiveram o desafortuno de conviver com o sintoma ao longo de toda a gestação. Assim como mencionamos sobre o início do enjoo, o fim desse sintoma também varia muito e não há uma regra, pois cada corpo é diferente.

enjoo na gravidez

Como aliviar o enjoo na gravidez?

Se você está sofrendo muito com enjoos, é indicado pedir orientações médicas quanto a isso, pois há casos em que o sintoma pode ser um sinal de um problema mais grave, como a hiperemese gravídica.

No caso de enjoos intensos, moderados e leves que não apresentam riscos para a gestação, ou seja, já foram descartados o diagnóstico de problemas como o mencionado, é possível colocar em prática algumas ações para minimizar o sintoma. Veja a seguir como aliviar o enjoo na gravidez através de 9 dicas muito úteis!

1. Use gengibre com moderação

O gengibre é um excelente alimento, pois auxilia na digestão e contribui para a diminuição da irritação nas paredes do estômago. Esses benefícios fazem com que o enjoo diminua, porém, é preciso ter cautela. O gengibre também relaxa a musculatura responsável pela deglutição, por isso, pode aumentar sintomas de refluxo e causar enjoo. Então use com moderação através da bala de gengibre ou de um chá refrescante.

2. Coma antes de levantar da cama

O enjoo matinal é mais comum ao longo da gestação porque o período noturno é marcado por um longo jejum. Esse período sem refeições aumenta os sintomas de enjoo na gravidez. Por isso, coma algo antes mesmo de levantar da cama. Dê preferência para coisas leves como biscoitos, frutas, suco verde, chá, entre outras.

3. Descanse 20 minutos ao acordar

Descansar após acordar não é muito comum e viável para muitas mulheres que mesmo durante a gestação, trabalham ou precisam acordar cedo por algum motivo. Mas essa prática simples contribui para a diminuição do enjoo. Isso porque ao despertar, seu organismo entende que é preciso acordar e vai ficando ativo pouco a pouco.

4. Coma de 3 em 3 horas

Fazer poucas refeições em intervalos de 3 horas ajuda a minimizar os sintomas de enjoo. Quanto mais tempo sem comer, mais o sintoma se intensifica. Então para minimizar o desconforto, dê preferência para dietas leves, pequenas e em intervalos de 3 horas no máximo.

5. Beba bastante água

A hidratação é extremamente importante ao longo da gravidez, pois ela é fundamental para a formação do bebê e do leite materno. Beber água também auxilia no alívio do enjoo durante a gestação.

6. Evite certos alimentos

Frituras e industrializados são os alimentos mais contraindicados para todas as pessoas, principalmente para as grávidas. Além de contribuírem para uma série de doenças, esses alimentos podem aumentar os sintomas de enjoo. Então para aliviar esses sintomas, evite esses alimentos.

Também é importante evitar comidas muito condimentada, apimentadas ou com temperos muito fortes.

Saiba quais os benefícios de ouvir música na gravidez

20 maneiras de amar estar grávida

7. Consuma bastante limão

O limão é um alimento rico em nutrientes importantes para a saúde e contribui para aliviar o enjoo durante a gestação. Ele age diretamente no ácido do estômago, contribuindo para a digestão e absorção dos nutrientes. Esse consumo pode ser feito através de suco verde, limonada, picolé de limão ou limão espremido na água.

8. Pratique exercícios físicos regularmente

Essa dica exige orientação médica antes de tudo! Cada gravidez é diferente, então se você não possui indicação para exercícios físicos por algum motivo, siga as orientações do seu médico. De modo geral, os exercícios físicos contribuem para o alívio do enjoo.

9. Evite cheiros fortes ou nauseantes

Perfumes, produtos de limpeza perfumados, comidas com aromas fortes ou qualquer outro odor que seja incômodo para você, evite! Esses cheiros desencadeiam as náuseas, que por sua vez contribuem para aumento dos enjoos.

enjoo na gravidez

Lembrando que cada pessoa é de um jeito , eu por exemplo na primeira gravidez tive enjoo até o quinto mês, já na segunda apenas muito cansaço por conta do peso, enjoo mesmo não tive!

Me conta como foi ou está sendo sua experiência!

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais