Salto de Desenvolvimento: Entenda o que é

 

salto de desenvolvimento

Salto de Desenvolvimento: Entenda o que é

Passei uma fase bem cansativa com a Laura, as famosas crises. Elas tornam a criança enjoada, chorosa, noites mal dormidas, enfim afetando a família e toda rotina.
 
Conversando com outras mamães, tenho observado que também passam por isso e possuem dúvidas, porque quando o comportamento da criança muda, logo pensamos, o que será?
 
Então vamos falar um pouquinho sobre o que é, como identificar e ajudar nossas crianças neste período chamado Saltos de Desenvolvimento.

Receitinhas de suco e papinhas salgadas e doces!

O que é Salto de Desenvolvimento?

O Salto de Desenvolvimento é quando o bebê está desenvolvendo uma nova habilidade, como sorrir, engatinhar, andar.
Essas mudanças trazem uma insegurança, pois são sensações e sentimentos desconhecidos. Assim, o mundo novamente se torna um lugar estranho, fazendo com que o bebê tenha a necessidade de voltar a ter segurança, ou seja, voltar para o “colinho da mamãe”!
 
Esse é o motivo dos bebês ficarem tão carentes, chorando para tudo, mamam mais ou menos e acordam várias vezes na noite.
 
Há alguns períodos de desenvolvimento acelerado e outros onde há uma desaceleração.
 
O que pode acontecer é acordar a cada ciclo de sono para treinar as novas habilidades que estão adquirindo, e nesse despertar é que os bebês precisam dos pais para voltar a dormir, o que afeta diretamente a qualidade do nosso sono.

+O que é Enurese Noturna?

+Regressão do sono: saiba o que é e quando ocorrem

Salto de Desenvolvimento, quando ocorrem?

Podem ocorrer entre uma a seis semanas. Depende de cada criança. Abaixo tabela com períodos aproximados que podem ocorrer os saltos:
 
Salto de Desenvolvimento

Quanto tempo dura esse processo?

Com mais frequência no primeiro ano do bebê, porém se estende até a adolescência.
 
Como podemos identificar?
 
Geralmente os bebês agem da mesma forma, o que pode acontecer é uns serem mais outros menos.
  • Ficam  mais carente e precisar de colo e segurança maternal; aconchego de mãe;
  • Se alimenta menos (comer ou mamar);
  • Chora durante a noite, sem explicação, voltando a dormi apenas com a presença dos pais;
  • Recusa o colo de outras pessoas, apenas querendo o da mãe;
  • Começa a fazer coisas que não fazia, como rir, sentar, engatinhar, interagir;
  • Demonstre felicidade ao final da crise, com o desenvolvimento adquirido.

O que podemos fazer para ajudar?

Nessas fases, é preciso ter de paciência e empatia com o bebê, pois depois desse processo de aquisição de novas habilidades, ele dará um salto no seu desenvolvimento e demonstrará felicidade com o final da ‘crise’.

Tudo isso é apenas uma fase muito importante para o desenvolvimento da criança, é passageiro, e em breve voltará ao normal.

Não se esquecendo que cada bebê se desenvolve e cresce em ritmos diferentes.
Muito amor, colo e carinho, independente da fase que o bebê esteja é sempre essencial na sua criação.

“Aproveite o tempo que estão juntos para criar uma relação afetiva saudável e cheia de vínculos fortes, pois é algo que ficará e definirá a relação de vocês para a vida toda.”

Salto de Desenvolvimento

Fonte: Guia do Bebê

Para saber sobre Picos de Crescimento, clique aqui

Posts Relacionados
10 Comentários
  1. Blog Vamos Mamães Disse:

    Passei por essa fase com o Gabriel e não entendia muito bem Na com certeza vai ajudar muitas mamães. Temos que ter muita paciência.

  2. Regina Dias Disse:

    Ótimas informações! Aqui observo muita mudança de comportamento até mesmo na minha mais velha (10 anos), o emocional, hormonal, tudo influencia, difícil é saber o que é exatamente e como ajudar… Na duvida muito amor!

  3. Amor e Maternidade Disse:

    Nossa Chris, e coloca paciência! São muitos detalhes precisamos ficar sempre atentos a tudo.

    Bjus
    May

    1. Solange Paula Agostinho Sanches Disse:

      Boa noite….estou passando por isso… Nossa…me identifiquei…pois meu bebê está nessa fase…. Amei as dicas….

      1. Mayara Figueredo Disse:

        Gratidão Solange! Seja muito bem vinda!

  4. Amor e Maternidade Disse:

    Isso ai Talita, disse tudo!
    Bjus

  5. Amor e Maternidade Disse:

    É verdade!
    Gosto bastante, ainda mais passando por ele.

    Bjus
    May

  6. Chris Ferreira Disse:

    Muito bom o post. É sempre bom termos esclarecimentos para entender melhor o que acontece com os nossos bebês.
    É bom saber que todos passam por isso.
    A informação e a compreensão do que está ocorrendo ajudam a termos mais paciência. E Paciência é sempre fundamental nessas fases.
    Beijos
    Chris

  7. Talita Rodrigues Nunes Disse:

    Entender e identificar esses momentos é super importante para ajudar a passar por eles. Precisa paciência e amor!

  8. Bossa Mãe Disse:

    Quando percebemos essas fases fica mais fácil lidar e, principalmente, não implementar maus hábitos na rotina. Adoro esse assunto!

Comente nossa postagem!

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais