RG para crianças: Entenda a importância de emitir o documento de identidade!

rg para crianças

Você sabia que é possível emitir RG para crianças, inclusive para bebê? Esse documento de identidade é um dos mais versáteis e tem uma importância muito grande quanto a segurança dos pequenos. Se você ainda não sabe da importância de emitir o RG do bebê, veja a seguir tudo sobre o assunto, incluindo um passo a passo de como emitir RG para crianças.

Os desafios para as crianças e pais das aulas à distância em tempos de pandemia

A importância do RG para crianças e motivos para emitir

Primeiramente, você precisa saber que esse documento de identidade é muito importante para qualquer pessoa. O RG possibilita comprovar a identidade de uma pessoa, pois ele reúne suas principais informações como foto, data de nascimento, nome completo, assinatura, digital, nome dos pais, entre outros dados.

Fases do desenvolvimento infantil: entenda cada uma delas!

Hoje em dia o RG já conta com a inclusão de outros documentos importantes, como o RG, título de eleitor, CTPS, certificado militar, CNH, tipo sanguíneo e fator Rh, Cartão Nacional de Saúde, Documento de Identidade Profissional e até mesmo o NIS/PIS/Pasep. 

Desta forma, o RG funciona como um agregador de vários outros documentos. Isso significa que com um único documento é possível comprovar diversas informações pessoais. Contudo, há outros motivos que tornam a emissão desse documento ainda mais necessária para crianças. Sendo assim, veja a seguir 4 motivos para emitir o RG infantil.

1. Auxilia na segurança das crianças 

Para a emissão do RG é necessário cadastrar as digitais da pessoa em um banco de dados do governo. No caso das crianças, se houver um sequestro ou mesmo desaparecimento da criança, se houver uma tentativa de emitir um novo RG o banco de dados enviará um alerta de que já existe um cadastro da criança no governo, logo, isso permitirá encontrar a criança. 

Além dessa questão, a criança já terá número de identidade cadastrada no RG o que impossibilitará a emissão de outros documentos sem a apresentação do mesmo. Então será muito mais difícil para uma pessoa manter a criança sob sequestro. 

Como distrair as crianças? Brincadeiras dentro de casa, dicas de leitura e muito mais!

2. Permite comprovar que você é pai ou mãe da criança

No RG você encontra o nome do pai e da mãe conforme registro da criança. Logo, é mais fácil comprovar que a criança é seu filho apenas apresentando o RG. 

A comprovação de maternidade ou paternidade é um procedimento muito comum para diversas questões burocráticas e até de saúde. Portanto, ter um documento de identidade que permita essa comprovação facilmente é um grande motivo para você emitir o RG infantil.

3. É possível abrir conta bancária para a criança

Com o RG você poderá abrir uma conta bancária no nome da criança e começar a depositar fundos, caso você queira criar uma reserva para cada filho. Isso porque não há como abrir conta bancária sem RG, logo, esse é um documento muito útil nessa questão também.

Então se você pretende abrir uma poupança para seu filho ou filha, terá que emitir um RG para criança que dará a oportunidade de usufruir desse grande benefício.

4. É prático para carregar na bolsa ou na carteira

O RG é um documento muito menor que a certidão de nascimento, porém, inclui mais informações que a própria certidão. Como já mencionado, o RG inclui diversas informações importantes sobre o cidadão, mas é um documento de tamanho pequeno que pode ser colocado até mesmo na carteira. 

Embora você não possa plastificar o documento, é possível colocá-lo em uma proteção plástica e guardar em um local seguro com você. Dessa forma, você terá um documento de identidade completo e prático da criança sempre a mão.

rg para crianças

Como emitir RG para crianças: passo a passo completo

Sabendo da importância do documento de identidade para as crianças, inclusive para bebês, elaborei um passo a passo com todas as etapas necessárias para a emissão do RG infantil. Sendo assim, confira a seguir todas essas etapas para emitir o RG para crianças. 

1. Agende o atendimento para a emissão do RG para crianças

A emissão do RG ocorre em diferentes órgãos, dependendo da região do país. Em São Paulo, por exemplo, a emissão é feita no Poupatempo, enquanto que no Rio de Janeiro, a emissão é por conta do Detran. Ou seja, cada estado possui suas próprias regras quanto ao assunto.

Sendo assim, veja qual órgão emite o documento no seu estado e agende o atendimento. 

2. Leve os documentos necessários para a emissão do RG para crianças

Os documentos exigidos para a emissão do RG infantil podem variar dependendo do local do país, mas a maioria dos órgãos exigem a apresentação dos seguintes documentos:

  • Protocolo de agendamento;
  • Certidão de nascimento original e uma cópia;
  • CPF (se houver);
  • Documento original da mãe com uma cópia;
  • Certidão de Casamento original e uma cópia (apenas se os responsáveis forem casados);
  • Foto 3×4 da criança com fundo branco.

Sobre a foto 3×4, também é importante considerar as seguintes recomendações: evitar roupas brancas ou muito claras, adornos de cabeça não deve impedir a visualização do rosto e cabelo da criança, óculos escuros são permitidos apenas para deficientes visuais e itens como turbante, véu, boina, lenço ou touca são permitidos apenas em caso de religião ou tratamento médico. No caso de deficiência visual, tratamento médico ou religião, é preciso apresentar comprovação específica. 

3. Vá ao local de atendimento para emitir o RG para crianças

No dia da emissão do documento, chegue com antecedência portanto todos os documentos necessários para a emissão e foto 3×4. A criança deverá estar presente, pois precisará carimbar os dedinhos, tirar foto (em alguns lugares a foto é tirada no momento da emissão do RG) e até assinar o documento, caso consiga. 

Saiba que o RG infantil geralmente conta apenas com as digitais dos dedões, pois os demais dedos da criança são pequenos. Contudo, no caso de crianças com mais de 5 anos de idade a coleta é feita de todos os dedos das mãos. Já no campo de assinatura, apenas as crianças que souberem assinar e tiver noção de espaço, poderão fazer a assinatura tradicional.

Dicas de aulas online para crianças durante a pandemia

No entanto, no caso de crianças pequenas ou que ainda não sabem dimensionar o espaço para assinatura, o RG é emitido com uma notificação informando que o portador não pôde assinar o documento.

rg para criança

Viu só como é fácil e simples emitir o RG para crianças? No final de todo o processo, você receberá outro protocolo para retirar o documento quando ele estiver pronto. Sendo assim, não deixe de emitir o RG das crianças e garanta a segurança dos pequenos. 

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais