Desenvolvimento Infantil: um passo de cada vez

O nascimento de um bebê cria muitas expectativas em todos os que estão envolvidos com a geração de uma nova vida. Muitos são os questionamentos, principalmente, por parte dos pais que estão engajados em ACERTAR na educação do(a) filho(a). Neste post você encontrará um dos passos indispensáveis para a educação dos pequenos, mantenha seu foco e sua atenção no título desta postagem e os acontecimentos farão muito mais sentido!

As informações disponíveis na internet sobre crianças e orientações para o pleno desenvolvimento infantil (quando pesquisadas em fontes seguras) são excelentes norteadoras para a construção de práticas educativas eficazes, mas não podemos esquecer das singularidades inerentes a todo ser humano, seja bebê, criança, adolescente, adulto ou idoso. Não é mesmo?

desenvolvimento infantil

Se você está atravessando a fase das dúvidas, inseguranças, incertezas e métodos que “não funcionam” saiba que seu grupo é formado por muitos pais que também sentem-se assim. Recebo, com frequência, crianças que foram rotuladas como “casos difíceis ou sem solução”, pois alguns profissionais têm dificuldades em enxergar A criança, seus interesses, suas possibilidades e necessidades particulares. A ansiedade toma conta do profissional que a projeta sobre a criança e sobre a família… Neste momento, é preciso recolocar os pontos nos eixos, caso contrário o clima será de frustração, decepção e baixa autoestima, ou seja, todo mundo sai perdendo.

Leia também:

Como organizar os brinquedos com as crianças?

Desenvolvimento cognitivo da criança: 10 maneiras de estimular

Seja você: 

a mãe, o pai, a avó, o avô, a professora, o professor, a psicopedagoga, a psicóloga, uma figura representativa na vida da criança, saiba que você possui extrema responsabilidade para a construção e a potencialização das suas habilidades, portanto é hora de trocar as palavras “receita mágica” por “métodos orientadores” e investir, investir, investir sem cessar, pois os ganhos e conquistas construirão bases sólidas para o pleno desenvolvimento infantil, com a certeza de que a felicidade da criança proporcionará sobre qualquer prática educativa resultados eficientes a longo prazo!

A jornada colaborativa para o crescimento de uma criança é uma oportunidade de conhecer também a si e avaliar em quais pontos também se está nos próprios “primeiros passos“. A boa notícia é que você não está sozinho(a) e, graças a plataformas como esta, trocaremos informações e experiências em prol da educação construtiva que queremos dedicar aos nossos pequenos.

Desenvolvimento infantil

Um passo de cada vez, não perca o próximo post!

Deixe seu comentário ou tire suas dúvidas, sua participação é muito importante!

Post escrito pela Psicopedagoga Especialista em Educação, Alfabetização e Educação Inclusiva Bruna Fabiani 

Posts Relacionados
16 Comentários
  1. Dany Disse:

    Oi tenho acompanhado seus posts e tem me feito refletir mto sobre a criações de meus filhos , mto obrigada!!

    1. Mayara Figueredo Disse:

      Olá Dany, tudo bem, seja bem vinda! Obrigada por seguir, e que bom que tenho agregado em sua vida! Grande beijo!

      1. Fabiana sousa Disse:

        Olá sou orientadora religiosa da minha igreja, e uso esses posts para ajudar os pais a repensarem em suas atitudes com seu pequenos. E eles tem nós ajudado muito. Não sei o resultado com as crianças em si porcausa desta pandemia as igrejas não estão funcionando a parte com as crianças. Mas creio que teremos bons frutos

        1. Mayara Figueredo Disse:

          Seja bem vinda Fabiana! Muito bom saber que consigo ajudar tanta gente! Fico muito feliz! Deus continue abençoando para que você possa orientar muito mais famílias. Fraterno abraço!

  2. Jaqueline Disse:

    Gostei muito, entendo que para tudo se requer muita paciência, como foi dito em praticamente todas as leituras, que não há receita.

  3. […] saudável e possa desenvolver-se bem na infância, na adolescência e na vida adulta. Acompanhe o desenvolvimento da criança com o profissional de saúde. Se achar que algo não vai bem, não deixe de alertá-lo […]

  4. Professor Ivan Disse:

    Boa noite, costumo transitar sobre pensamentos ansiosos dos meus pacientes e em anos de experiência aprendi a esperar e ensinar a esperar. Concordo com suas palavras.

    1. By Mayara Figueredo Disse:

      Olá! Obrigada por participar.

  5. Larissa Zorzenone Disse:

    Olá
    Sou mãe de um menino de 3 anos e ao menos uma vez por dia me sinto a pior mãe do mundo. É muito complicado isso de tentar sempre acertar, porque a gente vai errar, isso é certo. Eu tento dar autonomia pro meu filho descobrir as coisas a sua volta e apoiar ele nessa jornada de descobrir o mundo.

    Vidas em Preto e Branco

  6. Bianca (mãe do Arthur) Disse:

    Bru como sempre acalmando meu coração.

    Muito sucesso minha flor! =*

    1. By Mayara Figueredo Disse:

      Que bom Bianca! Seja bem vinda! Beijos!

  7. Eurimar correa Disse:

    Amei suas palavras obrigada

    1. By Mayara Figueredo Disse:

      Obrigada pelo elogio! Nos acompanhei que vem muito mais por ai!

  8. Cristiane Oliveira Disse:

    O segredo é paciência.
    Amei o blog.
    Bjs

    1. By Mayara Figueredo Disse:

      É isso ai. Precisamos muito Cristiane. Obrigada, e fique ligadinha. Grande beijo!

  9. Leandro da Silva Pinto Figueredo Disse:

    Ótimo!!!
    Através da dedicação e exemplo nossos pequenos serão fortes.

Comente nossa postagem!

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais