5 dicas de como comprar o seu primeiro imóvel

primeiro imóvel

Primeiro imóvel: Descrição

Uma decisão tão importante e que transformará a vida de toda a família merece bastante atenção. Confira essas dicas e faça a escolha certa na hora de comprar seu primeiro imóvel!

Com quase 20 milhões de famílias pagando aluguel atualmente, o Brasil é um país onde adquirir uma casa ainda é um sonho. Seja pelo valor elevado dos imóveis, seja pela dificuldade de se organizar para realizar essa conquista. 

Dicas para cuidar de plantas dentro de casa

A parte boa é que com a grande oferta de crédito imobiliário proposta pelos grandes bancos, esse sonho passa a virar uma realidade possível para essas pessoas. Aí o “desafio” acaba sendo escolher a melhor escolha tanto para o seu dinheiro quanto para a sua família.

Todavia, nesse artigo iremos traçar um passo-a-passo detalhado e indicado por especialistas do setor imobiliário. Dessa forma você poderá filtrar e escolher sua próxima casa ou apartamento e evitar dores de cabeça. Confira!

1. Filtrando de fora para dentro

Hoje em dia, muito diferente de tempos atrás, é possível navegar entre centenas de milhares de anúncios de casas e apartamentos. Todos eles são divulgados por meio de plataformas de compra e venda de imóveis. Todavia, é só escrever “apartamento a venda em perdizes” no Google e salvar os resultados que mais te agradam.

Mas é preciso saber trabalhar esse número enorme de dados. Uma forma de filtrar e escolher com sabedoria é pensando essa busca “de fora para dentro”. Ou seja, primeiro é preciso definir quais bairros são ideais para o estilo de vida da sua família.

2. Escolhendo o bairro perfeito para seu primeiro imóvel

Quando buscamos um novo apartamento na cidade onde nascemos, a tendência é que de início a procura ocorra no bairro em que você cresceu e tem mais afinidade. Todavia, isso ocorre porque você já sabe tudo que aquele bairro pode te oferecer e quais são suas limitações.

Contudo, o ideal é encontrar opções que também atendem suas necessidades em outros locais. Isso porque é grande a variação de preço do m² de bairro para bairro em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. Sendo assim, fique atenta a itens como acesso fácil ao transporte público, rede de serviços oferecida pela região e segurança.

3. Descobrindo os segredos da rua

Uma vez escolhido o bairro ideal, é hora de diminuir mais ainda o perímetro da busca. Portanto, vá até as ruas onde estão localizados os imóveis que você está de olho e entenda como eles funcionam. Por exemplo, que horas o comércio abre, nível de ruído durante os dias úteis e fim de semana e qualidade dos serviços essenciais (como padarias, farmácias e supermercados) oferecidos à distância de alguns passos.

Por fim, para completar essa etapa de sua jornada, procure conversar com as pessoas que trabalham ou moram na rua e faça perguntas sobre como funciona, a segurança e possíveis pontos negativos. Todavia, você irá se surpreender com a sinceridade das respostas!

4. Um condomínio certo para o seu primeiro imóvel

A essa altura você já diminuiu muito a quantidade de imóveis que “favoritou” nas plataformas imobiliárias. Portanto, é hora de fazer uma visita aos condomínios desses possíveis novos lares. Sendo assim, aqui é preciso ter em mente qual é o tipo de perfil da sua família.

Dessa forma, se você gosta de reunir os amigos, fazer uma festa ou até mesmo vê vantagens em ter um espaço com área comum para a diversão e socialização dos filhos com crianças da mesma faixa etária, o mais indicado é buscar apartamentos em condomínios novos que também possuem como característica unidades com menor metro quadrado que a de apartamentos de prédios antigos. 

Como distrair as crianças? Brincadeiras dentro de casa, dicas de leitura e muito mais!

Caso não ligue muito para os serviços oferecidos por um condomínio (como área comum, lavanderia e academia) e faça questão de ter mais espaço em casa, a melhor pedida é buscar apartamentos em condomínios antigos.

5. Enfim, dentro do apartamento

Antes de realizar sua visita, é interessante que já tenha algumas perguntas na ponta da língua para quem irá te receber – seja o proprietário ou um corretor. É o momento ideal para perguntar sobre a vizinhança, as facilidades do bairro e o motivo da venda.

Além disso, é preciso questionar e observar a estrutura do apartamento de forma geral. Se a parte elétrica e hidráulica recebeu manutenção ou foi trocada recentemente, as condições de móveis embutidos em ambientes como dormitórios, cozinha e banheiros e possíveis infiltrações.

Uma jornada que deve ser realizada com paciência, a compra de um imóvel passa por etapas que ajudam a filtrar as melhores opções para o seu futuro. Fique atenta da escolha do bairro até o fechamento do negócio.

primeiro imóvel

Boa sorte em sua conquista pelo primeiro imóvel!

Posts Relacionados
Comente nossa postagem!

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais