Cuidados necessários para quem tem criança em casa

Qual a importância de saber quais os cuidados necessários para quem tem criança em casa? Grande parte dos acidentes domésticos com crianças acontecem em casa, pois os pequenos estão conhecendo o mundo e tudo que o compõe, pois tudo é novo para eles e abre cada vez mais espaços para curiosidade. É muito comum ver crianças de 1 ano entrando em armários de cozinha, aos poucos tentando abrir a geladeira, revirando gavetas, curiosos sobre os furos em tomadas, etc.

Ter criança em casa é sinônimo de alegria, mas, ao mesmo tempo, exige maior atenção por parte dos adultos. Isso acontece já que, por não terem uma dimensão clara dos riscos, os pequenos acabam se machucando com muita facilidade.

Logo, é preciso criar estratégias para evitar possíveis acidentes. O uso de armários aéreos seguros, por exemplo, impede que eles alcancem um utensílio de vidro, deixem-no cair e se cortem. Ou seja, é sempre essencial estar atento aos cuidados necessários para quem tem criança em casa, a fim de evitar acidentes.

Cuidados necessários para quem tem criança em casa

Pensando nisso, selecionei algumas dicas e medidas que vão te ajudar a promover uma maior segurança dentro de casa, reduzindo, assim, os riscos aos pequenos. Saiba quais os cuidados necessários para quem tem criança em casa:

Um cuidado diferente para cada cômodo

cuidados necessários para quem tem criança em casa

Primeiramente, é preciso considerar que cada cômodo da casa possui suas particularidades e funcionalidades. Esses aspectos precisam ser levados em conta antes de qualquer outra medida.

Uma visão global e individualizada dos espaços fará com que até os mínimos detalhes sejam percebidos e, consequentemente, será possível adotar novas formas de proteção mais adequadas.

Atenção constante na cozinha

Esse é um dos principais cuidados necessários para quem tem criança em casa. É unanimidade dizer que a cozinha é um dos ambientes mais perigosos para uma criança devido à presença de fogo, facas, pratos, vidros, objetos pontiagudos entre outros. Inclusive, uma parcela significativa dos acidentes domésticos com crianças acontece na cozinha.

Posicionar as panelas com os cabos para o lado de dentro do fogão é uma das formas de evitar que a criança puxe o objeto e se queime. Prefira também usar as bocas da parte de trás do fogão. Objetos cortantes, louças e vidros devem ficar fora do alcance dos pequenos, seja em bancadas mais altas ou gavetas com travas.

A mesma dica vale para objetos inflamáveis, como fósforo, isqueiro e álcool. O uso de armários aéreos é super bem-vindo, pois evita que a criança tenha acesso a determinados objetos, como liquidificador e batedeira, mas também aos alimentos não perecíveis. Os fios destes eletrodomésticos devem ser enrolados com elásticos.

Cuidados no banheiro

O banheiro é outro cômodo que pode ser bastante perigoso para crianças que não estejam sob a supervisão de um adulto, então a primeira dica é manter a porta fechada. O mesmo vale para a tampa do vaso sanitário — indicamos o uso de trava de segurança;

Para evitar quedas e escorregões, mantenha o banheiro sempre seco e dê preferência a tapetes antiderrapantes. Objetos como cosméticos e medicamentos devem ficar no alto ou fora de alcance. Caso o armário esteja na parte de baixo, coloque travas nas portas. A atenção dada especialmente a cada cômodo é um dos cuidados necessários para quem tem criança em casa.

Evite acidentes nos quartos

Mesmo dentro dos quartos, é possível que pequenos acidentes aconteçam em um simples piscar de olhos. A regra é manter os ambientes sempre organizados, com tudo em seu devido lugar.

No quarto das crianças, dê preferência ao uso de móveis com quinas arredondadas. Se isso não for possível, use protetores de silicone. Evite deixar móveis próximos às janelas que, em todos os casos, precisam receber telas de proteção.

Tenha mais segurança na sala

Na sala de estar, os móveis devem ficar posicionados distantes das janelas (que também precisam de telas), principalmente os sofás e poltronas. Fios de aparelhos eletrônicos, como TV, devem ficar menos expostos e, se necessário, enrolados.

Quem tem cortinas deve usar prendedores para evitar que as crianças se enrolem e sofram com quadros de asfixia. Móveis como rack e estantes devem ser, preferencialmente, fixos. Caso tenham rodinhas, é preciso que elas fiquem posicionadas de modo que a mobília se mantenha no mesmo lugar.

Mais tranquilidade para o seu lar

Existem ainda outros cuidados que inibem possíveis acidentes domésticos. Um exemplo é o uso de protetores em tomadas, principalmente naquelas que não estão em uso. Evite plantas pontiagudas e tóxicas dentro de casa e mantenha produtos de carro, herbicidas e pesticidas em locais adequados.

Coloque pesos e objetos protetores nas portas, evitando que elas batam com facilidade. Após usar qualquer aparelho eletrônico que vá para a tomada, guarde-o no lugar adequado. ]

Com essas dicas você terá um lar muito mais seguro para os seus filhos.

Posts Relacionados
Comente nossa postagem!

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais