Planejar viagem em família por conta própria, vale a pena? Confira 7 passos para sua viagem ser sucesso

planejar viagem

Planejar viagem por conta própria, você sabe? Muito provavelmente você imagina que seja muito complicado saber como planejar uma viagem e organizar todo o necessário para a execução dela, mas na verdade, é muito mais fácil do que você imagina.

Você vai precisar de algum tempo para pesquisa, mas no final, o prazer de montar uma viagem do seu jeitinho será inigualável. Você verá que as vantagens de se planejar a própria viagem são muitas, como por exemplo, ter a liberdade de fazer os passeios que quiser e ficar quanto tempo quiser nos locais sem as costumeiras correrias das excursões.

Eu realmente curto o processo de fazer planejamento de viagens, mas não curto um roteiro de viagem amarradinho, então deixo bastante espaço para andar livremente e até encaixar um dia pra curtir preguiça de última hora.

Explorar o mundo com crianças: acredite que é possível!

Eu adoro pesquisar destinos, criar roteiros, descobrir restaurantes, gosto de colocar a mão na massa e fazer meu planejamento, deixando a viagem do jeitinho que eu quero. E se você também quer aprender, vem seguir um passo a passo:

1.Entenda por que planejar viagem é importante

Se você souber como planejar bem a sua viagem, vai se livrar de estresse, frustações, economizar um bom dinheiro e muito tempo na viagem. Já imaginou bater com a cara na porta, indo até um museu por que não abre às segundas feiras, ou marcar uma viagem pra praia em época de chuva ou, ainda pior, deixar de embarcar por que não tinha um documento obrigatório?

2. Traçando o perfil de viajante

Traçar o próprio perfil de viajante é o mais importante para a escolha de um local certo para você. Se reconheça no tipo de viagem que pretende realizar, se veja no local desfrutando de tudo que ele pode te oferecer. Pra isso é importante levar em conta alguns tópicos básicos para a escolha do melhor roteiro para você.

Que tipo de Viagem desejo fazer: Ecoturismo, aventura, lugares exóticos, praia, montanha, cidade, cultura, gastronomia? Vou viajar sozinha ou acompanhado?

3. Escolha corretamente o destino da sua viagem e quanto tempo ficar

Ao optar pelo destino correto para o seu perfil, para que você possa garantir experiências melhores. Para uma viagem em família procure conciliar o desejo de todas as partes envolvidas, por exemplo, em uma viagem, as crianças precisam de um espaço para se expressarem, correrem em liberdade e desenvolver suas habilidades motoras, isso favorece a aprendizagem.

Destino escolhido, é preciso dentro do seu orçamento decidir quantos dias vai ficar no destino escolhido. A duração vai variar muito, pois pode ser um final de semana, ou um mês inteiro. Isso vai depender de quanto tempo você tem disponível.

4. Defina seu orçamento

Sim, viajar é possível. Só é preciso se programar e planejar direitinho quanto custa sua viagem de férias. O ideal é pensar na média de gastos por dia, depois é só somar ao período total da viagem, mas deixe uma margem com um valor maior do que o esperado (5-15% de acordo com seu perfil de viajante). Assim, se houver imprevistos você não vai “passar apertos”. com as dicas de planejamento você vai poder realizar seu sonho.

5. Compre a passagem

As passagens aéreas costumam ser um dos itens mais caros da viagem. Para economizar, a dica é comece a procurar as passagens aéreas assim que definir o seu destino de viagem. Quanto mais antecedência na busca, melhores preços você pode encontrar. O ideal é usar buscadores de passagens que te ajudam a encontrar a melhor opção com o menor preço.

Como viajar na pandemia: tudo o que você precisa saber!

6. Reserve sua hospedagem

Depois das passagens aéreas, esse é um dos itens que mais podem pesar no bolso em uma viagem. O ideal é fazer as reservas das hospedagens com pelo menos um mês de antecedência. Deste modo, você encontra as melhores acomodações por um preço mais barato. Além disso, decidir um lugar que seja estratégico do ponto de vista do bolso e da logística da viagem podem fazer grande diferença.

7. Fique atento a documentação e seguro de viagem

É importante verificar quais os documentos obrigatórios necessários para viajar, e precisa analisar de acordo com o destino escolhido.

Um outro ponto importante, é fazer um seguro-viagem, principalmente em viagem internacional e enquanto estivermos em pandemia, vale olhar se está incluso o suporte, pra não ter um susto caso precise de auxílio médico.

Uma viagem em família exige planejamento: aproveite essas dicas e aproveite uma viagem com segurança e economia. Siga as nossas outras redes sociais e descubras mais dicas de passeios incríveis!

Posts Relacionados
Comente nossa postagem!

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais